Cândido Oliveira Martins

Professor Associado da Universidade Católica Portuguesa (Braga) e investigador do Centro de Estudos Filosóficos e Humanísticos (CEFH). Além de artigos em revistas da especialidade, tem publicados alguns livros: Teoria da Paródia SurrealistaNaufrágio de Sepúlveda. Texto e IntertextoPara uma leitura da poesia de BocageFidelino de Figueiredo e a Crítica da Teoria Literária PositivistaAlexandre Cabral (1917-1996) Dedicado Camilianista (2018); Fotobiografia de António Feijó (2019; Viajar com Vasco Graça Moura (2020). Ao nível da edição literária, com fixação do texto, introdução crítica e notas, editou obras de Diogo Bernardes, António Feijó, Teófilo Carneiro e Camilo Castelo Branco. Actualmente, faz parte da Direção da AIL – Associação Internacional de Lusitanistas (2017-2021), presidida por Roberto Vecchi (Univ. de Bolonha), sendo Editor responsável da Plataforma 9 – Portal Cultural do Mundo de Língua Portuguesa, apoiada pela Fundação Calouste Gulbenkian. Co-organizou ainda alguns volumes colectivos: Novos Horizontes das HumanidadesLeituras do Desejo em Camilo Castelo Branco; Estética e Ética em Sá de MirandaPensar a Literatura no Séc. XXICamões e os ContemporâneosMaria Ondina Braga: (Re)leituras de uma ObraMaria Ondina Braga: viagens e culturas em diálogo; além de dossiês temáticos – sobre “Mário Cláudio”, na Revista do Centros de Estudos Portugueses, UFMG, Belo Horizonte (2018); e sobre “Literatura e Naufrágio”, revista Límite, Univ de Extremadura, Cáceres (2019). Tem colaborado ainda em muitas obras colectivas; e desenvolvido trabalhos em várias universidades portuguesas e estrangeiras.